MotoGP: Piloto tem fratura exposta em acidente com direito a salto a 160km/h

Espanhol Tito Rabat foi atingido por moto de Franco Morbidelli

Relacionadas

Um acidente marcou o quarto treino da etapa da Grã-Bretanha da MotoGP na manhã deste sábado. Tito Rabat, piloto da Avintia Racing, foi atingido pela moto de Franco Morbidelli em um acidente que envolveu vários pilotos. 

O piloto espanhol teve uma fratura exposta na perna direita e permaneceu um tempo imobilizado no chão até ser transportado para um local onde foi confirmada a fratura do fêmur, tíbia e fíbula, por isso, o espanhol foi transportado de helicóptero para um hospital. 

A chuva começou a cair durante a pré-qualificação, levando vários pilotos ao chão. Os dois primeiros a cair foram Jorge Lorenzo e Aleix Espargaró. Depois, numa manobra arriscada, Alex Rins, da Suzuki, saltou da moto a mais de 160km/h.

Rabat foi o próximo a cair e, enquanto se afastava do local de sua queda, foi atingido pela Honda do ítalo-brasileiro, o quinto e último piloto a cair. Rabat está em sua terceira temporada na MotoGP, sua primeira com a Ducati. O piloto de 29 anos está em 14º na classificação geral com 35 pontos.

No treino preparatório de ontem Tito já havia sofrido uma queda que repercutiu nas redes sociais pela maneira como ele se recupera com estilo. Assista:

 

MAIS SOBRE:

MotoGPMotoGP [motovelocidade]Tito Rabat
Comentários