Tapete vermelho: Ferrari deseja filho de Schumacher na Academia de Pilotos

Escuderia italiana e Mercedes entram em disputa pelo alemão de 17 anos

Relacionadas

Depois de ser vice na F4 alemã, em 2016, Mick Schumacher, filho do heptacampeão de Fórmula 1, tem atraído a atenção de grandes equipes do automobilismo. A Mercedes já disse que quer o garoto de 17 anos em seu programa de jovens pilotos, e agora foi a vez da Ferrari demonstrar interesse. O chefe da Academia de Pilotos da Ferrari, Massimo Rivola, afirmou que se o filho do alemão quiser fazer parte da equipe será mais que bem-vindo.

"É óbvio que temos acompanhado sua carreira. E neste ano teremos a oportunidade de estar bem perto dele, já que será companheiro de um dos nossos pilotos, na equipe Prema. Eu não sei o que ele quer fazer do futuro, mas se ele quiser fazer parte da Academia de Pilotos da Ferrari, terá um tapete vermelho estendido", afirmou ao jornal italiano Gazzetta dello Sport.

 

MAIS SOBRE:

VelocidadeFórmula 1FerrariMichael Schumacher
Comentários