'Super Tifanny' cativa torcedores e alavanca público nas arquibancadas

Tifanny é a primeira colocada entre as maiores pontuadoras da temporada 2017/18

Relacionadas

As arquibancadas do ginásio Panela de Pressão eram costumeiramente ocupadas por torcedores do Bauru. Agora, além de torcer pelo time, os fãs abraçaram uma nova causa: apoiar a Tifanny. A jogadora caiu nas graças da torcida, que até criou um apelido carinhoso para a primeira mulher trans na Superliga Feminina de Vôlei: "Super Tifanny".

Tifanny: 'Se existe mulheres boas e homens bons, vai existir transexual boa'

Federação de Vôlei marca reunião para discutir trans no esporte

Jogador de vôlei consegue rara defesa de bicicleta na Itália; assista

- Esse apelido de Super Tifanny calhou bem. Pois ela precisa ser super mesmo para enfrentar todo preconceito e ignorância de alguns. Sabíamos de todo o preconceito que ela poderia enfrentar e decidimos apoiá-la de forma intensa para que ela se sentisse acolhida nessa trajetória - disse Henry Gimenez, membro da Gigantes do Vôlei, torcida organizada do Bauru, ao Globo Esporte.

Depois que seus resultados chamaram a atenção do país e uma polêmica se instalou sobre sua participação no campeonato, o número de apoiadores no ginásio tem aumentado. Com média de 5,46 pontos por set, Tifanny é a primeira colocada entre as maiores pontuadoras da temporada 2017/18. 

A ativista Amara Moira organizou uma caravana de mulheres trans de São Paulo para ir à arquibancada apoiar a jogadora em Osasco. A torcida especial promete se repetir nos próximos jogos do Bauru. Até camiseta personalizada com os dizeres "Somos Tifanny" a torcida organizada já providenciou. 

 

Super Tifanny❤ Arrasou !

Uma publicação compartilhada por mylovetifannyabreu (@mylovetifannyabreu) em

MAIS SOBRE:

vôleiBauru [SP]Superliga Feminina de VôleivôleiTifanny Abreu
Comentários