Rafaela Silva é parada por polícia e reclama: 'Esse preconceito vai até onde?'

Judoca brasileira estava tentando chegar em casa, no bairro de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro

Relacionadas

A campeã olímpica Rafael Silva foi vítima de uma cena, no mínimo, constrangedora nesta quinta-feira. A judoca afirma que foi parada pela polícia e usou as redes sociais para desabafar: 'Esse preconceito vai até onde?'

+ Dono chinês do Milan estaria falido, diz imprensa europeia; ele nega

+ Neymar grava vídeo para filho de ex-jogador que faleceu por leucemia; assista

+ Após polêmica com musa, Band anuncia fim do programa 'Os Donos da Bola'

Em seu perfil oficial no Twitter, Rafaela narra toda a história. Ela conta que ao chegar no Rio de Janeiro pegou um táxi no aeroporto para ir até sua casa, localizada no bairro de Jacarepaguá. A abordagem policial aconteceu na Av. Brasil e a judoca só conseguiu seguir viagem depois de ser reconhecida como "aquela atleta da olimpíada".

Confira a história na íntegra:

Chegando hoje no Rio de Janeiro, peguei um táxi pra chegar em casa! No meio da av Brasil um carro da polícia passar ao lado do táxi onde estou e os policiais não estava com uma cara muita simpática, até então ok

MAIS SOBRE:

judô Rafaela Silva
Comentários