#RespeitaAsMinas: Corinthians prepara ação para o Dia da Mulher

Em partida contra o Mirassol, clube alvinegro vai dar visibilidade à luta contra o assédio e a violência contra a mulher

Relacionadas

Em apoio ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, o Corinthians vai estampar a frase #RespeitaAsMinas em seu uniforme na partida contra o Mirassol, válida pelo Campeonato Paulista, na quarta-feira, dia 7, às 21h45. 

+ Neymar posta vídeo em apoio ao PSG e exalta força da torcida

+ Real Madrid reclama de 'clima de Libertadores' antes de jogo com o PSG

+ Cuca fecha com a Rede Globo e vai ser comentarista na Copa do Mundo

A frase estará na parte da frente da camisa. Segundo o clube, o objetivo é sensibilizar a sociedade para o combate ao assédio sexual e a violência contra a mulher. Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil registrou, em média, 12 assassinatos e 135 estupros de mulheres por dia em 2016, o que torna o País o 5º mais perigoso do mundo para mulheres. 

Minutos antes da partida, os times masculino e feminino irão entrar juntos em campo para lembrar a data. As mulheres que forem à partida também receberão faixas com os dizeres #RespeitaAsMinas e o time distribuirá 10 mil tatuagens temporárias “Não é Não” em sua loja na Arena. 

A ideia foi desenvolvida em parceria com o coletivo "Não é Não", que ganhou destaque no Carnaval de 2017 e ganhou notoriedade em 2018 ao redor do País por apoiar a busca por uma sociedade em que as mulheres sofram menos com o assédio. 

MAIS SOBRE:

futebol Dia da Mulher Corinthians
Comentários